Família

Ebenaceae

Nome Comum

dióspireiro, dióspiro, alperceiro-do-Japão, kaki

Origem

Este da Ásia (China e Japão).

Tipo de Origem

alóctone

Autor

L.

Descrição

O diospireiro é uma pequena árvore de folha caduca que raramente ultrapassa os 8 a 10 m de altura, com copa arredondada e ramos de cor castanha ou castanhos-avermelhados, cobertos de pêlos aplicados. Possui folhas alternas, simples, curtamente pecioladas (pecíolo de 1 a 1,5 cm), de forma ovada, elíptica ou obovada, com a margem inteira, estreitando-se um pouco no ápice; são de cor verde intenso, algo lustrosas na página superior e mais pálidas e com pêlos na página inferior; medem cerca de 7 a 18 cm de comprimento. As flores são unissexuais, produzindo-se em diferentes plantas (dioica), na axila das folhas; as masculinas geralmente em grupos de 3, com 1 cm de diâmetro, com 4 a 5 sépalas e pétalas soldadas, e com numerosos estames. As femininas são similares, geralmente solitárias, com corola amarelo-creme, campanuladas, com os lóbulos algo retorcidos com cerca de 1,5 a 2 cm; ovário súpero, estiletes pubescentes. O fruto é uma baga amarelo-alaranjada ou avermelhada (dióspiro), com cerca de 4,5 a 7,5 cm de diâmetro, de polpa muito doce e algo gelatinosa.

Tipo de Reprodução

dióica

Forma de Vida

árvore

Ínicio de Floração

maio

Fim de Floração

agosto

Perenidade

caducifólia

Inflorescência

solitária

Cor da Flor

amarelo

Tipo de Folha

simples

Inserção de Folha

alterna

Margem da Folha

inteira

Limbo da Folha

obovado

Tipo de Fruto

baga

Consistência do Fruto

carnudo

Maturação do Fruto

setembro

Habitat

Florestas de folhosas no seu local de origem.

Observações

O nome do género Diospyros tem origem no grego dióspuron, que significa “alimento de Zeus”. O nome do restritivo específico kaki, procede do nome vulgar japonês. No Brasil, país em que a língua oficial é o português, o nome vulgar desta espécie é caqui (kaki). O diospireiro é muito cultivado em Itália e nos Estados Unidos.

Aplicações

Cultivada para comercialização dos frutos ou como ornamental. Possui um grande valor como planta ornamental, especialmente quando se encontra carregada de frutos e despido de folhas. Os dióspiros, são muito suculentos, podem ser ingeridos frescos, ou em compota.

5 Exemplares no Parque


Porte


Folha


Flor


Fruto


Tronco