Família

Buddlejaceae

Nome Comum

budleia-de-David, lilás, arbusto-das-borboletas, lilás-de-verão

Origem

Ásia (China).

Tipo de Origem

alóctone

Autor

Franch.

Descrição

A budleia-de-David é um arbusto caducifólio, de porte arqueado, podendo atingir os 4 m, com os caules mais ou menos quadrangulares, coberto, quando jovens, de pelos e casca profundamente fissurada. As suas folhas são opostas, ovadas ou ovado-lanceolado, de 6 a 20 x 2,5 a 8 cm, grossas, algo rugosas, parecidas às da salva, cobertas de finos pelos cinzentos ou esbranquiçados na página inferior, com estípulas mais largas que compridas. As flores são pequenas e muito aromáticas, em grandes panículas terminais, com cerca de 20-35 cm de comprimento. O cálice é campanulado, com cerca de 2 mm, provido de dentes mais curtos que o tubo. A corola é tubular, de tubo com 6 a 11,5 mm, com 3 ou 4 lóbulos de 2-4 mm, abertos em estrela, purpúreas e alaranjadas na garganta, mais raramente brancas; com 4 estames. Os frutos são cápsulas ovóides compridas com cerca de 5-10 mm, rodeadas pelo cálice e corola persistentes, que se abre por duas valvas, com numerosas sementes diminutas.

Tipo de Reprodução

hermafrodita

Forma de Vida

arbusto

Ínicio de Floração

junho

Fim de Floração

outubro

Perenidade

caducifólia

Inflorescência

panícula

Cor da Flor

violeta

Tipo de Folha

simples

Inserção de Folha

oposta

Margem da Folha

serrilhada

Limbo da Folha

ovado

Tipo de Fruto

cápsula

Consistência do Fruto

seco

Maturação do Fruto

novembro

Habitat

Nativo de matagais das encostas montanhosas, afloramentos calcários, clareiras florestais e zonas rochosas.

Observações

O nome do género Buddleja homenageia o reverendo Adam Buddle (1662-1715), inglês apaixonado pela botânica.

O restritivo específico daviddi é dedicado a Pere Armand David (1826-1900), missionário e naturalista francês que realizou expedições a China produzindo importantes coleções de plantas e animais. Encontrou esta espécie por volta de 1869/1870 ao longo da fronteira da China e do Tibete.

Aplicações

Arbusto que se cultiva como ornamental e para formar sebes. A  budleia-de-David é uma das espécies que mais atraem borboletas. Possui muitas variedades de cultivo, que diferem essencialmente na cor das flores.

24 Exemplares no Parque


Porte


Folha


Flor


Fruto


Tronco